AVALIAÇÃO DO FLORFENICOL COMO TRATAMENTO PREVENTIVO DE DOENÇAS BACTERIANAS NO CULTIVO DE TILÁPIAS EM SISTEMA SUPERINTENSIVO

Tadeu José Vieira Andrade, Francielle Aparecida Sousa, Cássio Resende de Morais

Resumo


O Brasil é um país com enorme potencial para as atividades aquícolas, sendo a piscicultura a que mais cresce. A espécie de peixe de destaque é a Oreochromis niloticus (tilápia do Nilo), devido a grande rusticidade, ao excelente desempenho em crescimento e ganho de peso, a carne ser de qualidade, além da grande aceitabilidade no mercado consumidor. Florfenicol é um antibiótico usado para impedir a manifestação de uma grande variedade de doenças bacterianas na psicultura. Nesse contexto, o objetivo deste trabalho foi verificar a eficiência do uso do antibiótico florfenicol em tratamento preventivo de doenças bacterianas em tilápias do Nilo analisando o índice de mortalidade dos alevinos e o ganho de peso durante o ciclo de produção. O experimento foi realizado na represa de Emborcação no entorno da fazenda Solar do Sossego, Grupiara, Minas Gerais, Brasil. Foram utilizados 24.000 alevinos machos de tilápia do Nilo, tanques redes e tela com malha de 19 mm. Os alevinos foram distribuídos em dois grupos de 12.000 alevinos cada. O grupo 1 (grupo controle): alimentados com ração sem administração de florfenicol e Grupo 2: Exposição oral ao florfenicol homogeneizado na ração. A exposição foi de 10 dias. Foram determinados os valores do índice de mortalidade dos peixes e os valores médios de ganho de peso, ganho de biomassa, consumo de alimento e conversão alimentar. Os resultados obtidos, demonstra que o antibiótico florfenicol se mostrou eficaz na prevenção de doenças e consequentemente no aumento do índice de sobrevivência dos peixes, resultando em uma maior biomassa e um maior ganho de peso ao final do ciclo.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexado por

ISSN: 2238-4405