GESTÃO DE CUSTOS EM ORGANIZAÇÕES PÚBLICAS DE SAÚDE: UMA ANÁLISE NO MUNICÍPIO DE UBERLÂNDIA/MG

Vidigal F Martins, Fernanda Franco Sá, F J Lemes Júnior

Resumo


Este artigo discute a gestão de custos nas organizações públicas e a sua contribuição ao
processo decisório. Foi realizada uma pesquisa com três organizações hospitalares públicas,
localizadas no município de Uberlândia - MG: as Unidades de Atendimento Integrado (UAIs),
com um departamento de custos centralizado, Hospital e Maternidade Municipal Dr. Odelmo
Leão Carneiro e o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HCU/UFU).
Do ponto de vista metodológico, trata-se de uma pesquisa descritiva e qualitativa,
desenvolvida com o apoio de questionário respondido pelos responsáveis da área de custos
das instituições hospitalares. Os resultados permitiram identificar que a gestão de custos não é
um elemento utilizado pelas UAIs, ao contrário do Hospital de Clínicas, que emprega
ferramentas de gestão sem, todavia, atender a todas as necessidades dos administradores, além
do Hospital e Maternidade Municipal no qual não tivemos o retorno do questionamento. Por
fim, concluiu-se que a gestão de custos possui um importante papel nas organizações, mas
ainda não se encontra disseminada na esfera hospitalar pública da referida cidade.


Palavras-chave: Gestão de custos; Tomada de decisão.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexado por

ISSN: 2238-4405