AVALIAÇÃO DA RESISTÊNCIA À COMPRESSÃO DO CONCRETO SIMPLES

Igor Ramos Pena, Ricardo Fonseca de Oliveira

Resumo


O concreto apresenta-se como um dos materiais mais usados na área de construção civil, devido a vários fatores como sua facilidade de manipulação, durabilidade e custo-benefício. Com a evolução dos materiais de construção, a população foi substituindo outros materiais como madeira e pedra pelo concreto, devido à capacidade de resistir a elevadas cargas e facilidade no manuseio. No período do século XIX, grandiosas obras foram desenvolvidas através do uso do concreto. Sendo assim, o objetivo geral deste trabalho é desenvolver um estudo sobre diferentes traços de concreto simples, visando alcançar a maior resistência dos corpos de prova moldados. O presente trabalho foi desenvolvido através de um estudo das dosagens de concreto, que dispõe sobre o método de teste de resistência a compressão em corpos de prova feitos de concreto com medidas de 10 centímetros de diâmetro e 20 centímetros de altura. No segundo momento, os corpos de prova já elaborados e, após os 28 dias de cura, foram rompidos em prensa hidráulica automática para obtenção dos resultados. Posteriormente, foi elaborada uma planilha com os melhores resultados para avaliação do custo-benefício de cada traço. Conclui-se que em todos os corpos de prova a resistência a compressão não foram semelhantes.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexado por

ISSN: 2238-4405