Ciências Biológicas

Ciências Biológicas

Licenciatura em Ciências Biológicas

Reconhecido pela Portaria Ministerial nº. 286, de 21 de dezembro de 2012
Regime: Semestral
Modalidade: Licenciatura
Turno: Noturno
Nº de vagas: 50 vagas
Duração: 4 anos (8 períodos)
Critérios de avaliação: 100 pontos distribuídos por semestre, sendo necessário a obtenção de, no mínimo, 60 pontos para aprovação
Coordenador(a): Professora Mestre Daniele Ruela Mendes
E-mail: biologia@fucamp.edu.br

Apresentação:

As mudanças de paradigmas existentes no mundo de hoje, trazidas por uma visão global baseada nas novas tecnologias, na globalização da economia e do consumo mundial, acabaram por tornar inadiável a mudança no atual conceito das Ciências Biológicas e nos procedimentos para fazê-la plenamente compreendidas pelos alunos no ensino fundamental e médio. A presente proposta curricular pretende fixar um novo perfil curricular para o curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Faculdade de Ciências humanas e Sociais, buscando aprimoramento da formação acadêmica e profissional dos discentes. Essa proposta de redefinição do perfil profissional surgiu a partir das necessidades básicas e essenciais apresentadas pela nova Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, sancionada em 20 de dezembro de 1996, bem como das exigências e das mudanças no mercado de trabalho que requerem uma atuação diferente da imposta pelo desenvolvimento técnico, uma formação compromissada com a construção do cidadão capaz de compreender a sua realidade social. Nesta perspectiva, o curso de Licenciatura em Ciências Biológicas apresenta, no seu desenvolvimento curricular, a formação de professores para atuar no ensino fundamental e Médio, com uma ampla possibilidade de caminhos que levam à reflexões, análises e críticas sobre o ensino de Biologia, proporcionando uma formação humanística, ética necessária para a sua atuação na construção de uma sociedade mais humana e crítica. A proposta curricular ganha importância a medida que se propõe ao aluno a pensar o mundo em que se vive a partir de sua condição real de existência, mas buscando sempre a valorização humana e o desenvolvimento de uma mentalidade de respeito em relação ao meio ambiente.

Objetivo:

O Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas tem como objetivo formar professores qualificados para a atuação no ensino Fundamental e Médio, propiciando-lhes a aquisição de conhecimentos teóricos e práticos fundamentais, bem como os meios para o exercício da investigação científica e do saber aplicado nestas áreas. Visa, ainda, integrar os alunos à realidade educacional, capacitando-os para enfrentá-la e nela intervir, através de uma formação orientada pelos valores éticos. Espera-se que ao longo dos quatro anos de formação superior, os discentes construam um conjunto de conhecimentos referentes a conceitos, procedimentos e atitudes relacionados à Biologia e a Educação.

Mercado de Trabalho:

São considerados Biólogos tanto os Licenciados como os Bacharéis em Ciências Biológicas. Com a regulamentação da profissão, com a criação do Conselho Federal de Biologia e com a criação do Conselhos Regionais, o campo de atuação do Biólogo sofreu uma ampliação e passou a permitir:

  • Formular e elaborar estudo, projeto ou pesquisa científica básica e aplicada nos setores da biologia ou nos setores a ela ligados, bem como naqueles que se relacionam à prestação, saneamento e melhoramento do meio ambiente, executando direta ou indiretamente as atividades resultantes desses trabalhos;
  • Orientar, dirigir, assessorar e prestar consultoria a empresas, fundações, sociedades e associações de classe, entidades autárquicas, privadas ou do poder público, no âmbito de sua especialidade;
  • Realizar perícias, emitir e assinar laudos técnicos e pareceres, de acordo com o currículo efetivamente realizado.

Ao Licenciado, além destas atribuições, cabe, preferencialmente, o ensino de 1º e 2º graus, tanto na rede oficial como na particular. Os licenciados como os Bacharéis, desde que devidamente inscrito no CRBio2 – Conselho Regional de Biologia, poderão optar por um campo de pesquisa e, assim, escolher uma área para fazer o curso de Pós-Graduação. Após a conclusão do Mestrado ou do Doutorado, o Biólogo terá maior chance de dedicar-se às atividades de Ensino e de Pesquisa, ligado a uma Universidade ou a Instituições como Jardins Botânicos, Museus Zoológicos ou a Laboratórios de Pesquisa de Órgãos Governamentais. Pode trabalhar em indústrias das mais diversas, como alimentícia, a extrativa, a farmacêutica, a de fertilizantes, etc. O mais importante papel do Biólogo é a sua contribuição para formulação e a implantação de um modelo de desenvolvimento do país que possa conciliar a prosperidade material com a melhoria da qualidade de vida.

Locais de atuação profissional do Biólogo:

  • Instituições de Ensino Médio e Superior;
  • Institutos de Pesquisa;
  • Órgãos governamentais (Secretarias Estaduais e Municipais de Educação, de Saúde, de Agricultura, de Ciência e Tecnologia, de Meio Ambiente e de Turismo ou similares);
  • Empresas Públicas e Privadas;
  • Indústrias (de Alimentos, de Bebidas, de Fertilizantes, de Biocidas, de Laticínios, de Produtos Farmacêuticos, etc.);
  • Hospitais;
  • Laboratórios (Clínicos Anátomo-Patológicos, Biotecnológicos, de Fertilização Humana, etc.);
  • Museus e Similares;
  • Jardins Zoológicos e Botânicos;
  • Parques e Reservas Naturais;
  • Estações Bio-Ecológicas e Áreas de Proteção Ambiental;
  • Empresas de Turismo Ecológico;
  • Imprensa (Assessoria Técnica para matérias científicas e de ambiente);
  • Herbários;
  • Biotérios;
  • Criadouros (Minhocário, Sericicultura, de animais silvestres, etc.);
  • Estações de cultivo (Piscicultura, Carcinocultura, Mitilicultura, Ostreicultura, etc.);
  • Autônomos (Consultorias, Perícias, Assessorias, etc.).

Matriz Curricular do Curso

Avaliação

Será feita de forma continuada, através da participação do aluno nas diversas atividades propostas: debates, textos e leitura dirigidos, trabalhos avaliativos, isto é, longe de restringir o aluno a apenas avaliações escritas (provas), o mesmo será avaliado através de outros trabalhos escritos (resenhas, fichamentos, resumos, dissertações) e também através de trabalhos orais (apresentação de seminários).